Visita Orientada

Atualizado em 19 de Janeiro de 2024

Agenda 2024 já está aberta! Leia com atenção as orientações gerais para marcar com a Educação Ambiental e garanta sua vaga.


VISITA PEDAGÓGICA:
Uma das atividades oferecidas pela equipe da Educação Ambiental do Jardim Botânico de Brasília (JBB) é a visita pedagógica. As visitas acontecem de terça a sexta-feira, nos períodos da manhã ou da tarde.
Existem dois padrões de visita:
I. Visita com atendimento de um educador ambiental do JBB: 
– Visita com a presença dos educadores ambientais durante o passeio.
– Disponível terça e quinta-feira, manhã ou tarde.
– Para estudantes a partir dos 12 anos: atendimento disponível para grupos de, no máximo, 45 estudantes.
– Para estudantes abaixo dos 12 anos: atendimento disponível para grupos de, no máximo, 30 estudantes.
 – A visita com atendimento dos educadores ambientais do JBB dura, em média, uma hora e meia a duas horas. A equipe do JBB desenvolveu alguns roteiros de visitação, mas pode haver adequações de acordo com o tamanho e necessidades do grupo e objetivos da visita. Geralmente o Cerrado é o eixo de todos os roteiros. Uns focados mais em fauna, flora e fitofisionomias, outros focados mais em conservação, água, solo e ecologia. Para grupos de crianças abaixo dos 12 anos o número máximo de estudantes recebidos para o atendimento é reduzido a fim de priorizar a qualidade do atendimento.


II. Visita com acolhimento: 
– Boas-vindas ao grupo e orientações sobre o JBB e seus espaços.
– Disponível de terça a sexta-feira, manhã ou tarde.
– Disponível para grupos de, no máximo, 120 pessoas, para não sobrecarregar as instalações.
 – Nas visitas com acolhimento, a responsabilidade pedagógica é da escola. A equipe do JBB recebe o grupo para dar as boas-vindas e algumas orientações sobre a visita, e depois o grupo segue para explorar os espaços do JBB sem a presença dos educadores ambientais.


OBSERVAÇÕES:
– A equipe de Educação Ambiental não realiza visitas orientadas aos finais de semana. Caso a data pretendida para a visita do grupo seja num sábado ou domingo, é necessário entrar em contato com a Diretoria Executiva (diex@jbb.df.gov.br) para agendamento e orientações, principalmente para grupos que pretendem fazer a visita em ônibus/vans.
 
ORIENTAÇÕES GERAIS:
O agendamento deve ser feito com, no mínimo, quinze dias de antecedência. Porém, o ritmo de agendamentos é intenso. Quanto antes o grupo entrar em contato, maior a chance das datas solicitadas estarem disponíveis.
– Para agendar, é necessário preencher o Formulário de Agendamento, clicando aqui.
– No próprio formulário tem um link para uma agenda do Google com os dias e horários disponíveis, marque sua preferência e não se esqueça de voltar para o formulário e finalizar o preenchimento. 
 – O preenchimento do Formulário não garante a vaga da visita. A confirmação da data será feita pela equipe de Educação Ambiental através do e-mail.   
– A taxa de visitação é de R$ 5,00 (cinco reais) por pessoa e o pagamento é feito em dinheiro e no débito pelo responsável da escola no dia da visita. Professores e monitores também pagam. Crianças até 12 anos de idade incompletos, idosos acima de 60 anos e pessoas com deficiência são isentas.
– Escolas públicas, projetos sociais e instituições filantrópicas são isentos do pagamento da taxa de visitação (estudantes e professores).
– Atenção: As empresas, grupos de turismo e similares que realizem atividades educativas com finalidade comercial, ou seja, qualquer atividade que implique na cobrança de valores, por meio de pessoa física ou jurídica, para prestação de serviços de qualquer espécie na área de visitação do Jardim Botânico de Brasília, terão que pagar uma taxa diária de utilização de espaço público, além da taxa de visitação por pessoa (R$5,00). Além do agendamento com a Educação Ambiental, os mesmos também deverão encaminhar um e-mail para a Diretoria Executiva (diex@jbb.df.gov.br), com descrição detalhada da atividade exercida, para receber as informações acerca do pagamento da taxa (Novas resoluções de acordo com a Ordem de Serviço n° 08, de 15 de fevereiro de 2023, publicada no Diário Oficial do Distrito Federal de 16 de fevereiro de 2023 – Para mais informações acesse a aba “Normas de Conduta”).
– O transporte é de responsabilidade da escola.
– O grupo pode trazer lanche para um piquenique em local específico após a atividade. Recomenda-se a utilização de alimentos com a menor quantidade de embalagem possível como, por exemplo, frutas e verduras, com o intuito de evitar a poluição do JBB e consequentes prejuízos para a flora e fauna nativas.
– Recomendamos que os visitantes venham com roupa confortável, sapato fechado, chapéu ou boné, além de trazerem uma garrafa para água e protetor solar. O principal é vir com o coração e mente abertas para conhecer um pouco mais do nosso bioma, o Cerrado.
 
DÚVIDAS FREQUENTES:
– Qual horário das visitas de atendimento e acolhimento em cada turno?

Pela manhã, as visitas de atendimento e acolhimento iniciam-se às 9h (horário em que é permitida a entrada no JBB). Pela tarde, as visitas iniciam-se às 14h.


– É possível acessar o JBB antes das 9h?

A entrada antes das 9h só é permitida para visitantes que estejam de bike ou a pé. Para a entrada de ônibus, vans e carros, só é permitido acessar o JBB a partir das 9h.


– Quanto tempo dura a visita na modalidade de atendimento?

A visita com a presença dos educadores ambientais dura em torno de 1h30 a 2h. Mas após o atendimento, caso haja interesse, o grupo pode permanecer no Jardim Botânico de Brasília até às 17h.


– Quais são os roteiros disponíveis para as visitas?

O roteiro escolhido para a visita vai depender do objetivo do grupo. Existe uma diversidade de espaços a serem explorados. Entre os espaços mais visitados durante os atendimentos de educação ambiental estão: Espaço Ciência, Jardim Sensorial, Jardim Japonês, Jardim Evolutivo, Unidade Demonstrativa de Permacultura, Espaço Oribá e Trilha Krahô. Para mais informações sobre os espaços do JBB, acesse a aba “Espaços JBB”, disponível aqui no site.


– É possível levar um grupo maior do que o estipulado para cada idade para os atendimentos e acolhimentos de educação ambiental?

O número máximo estipulado é estabelecido para garantir a qualidade dos atendimentos de educação ambiental e, nos acolhimentos, garantir que as instalações do JBB não sejam sobrecarregadas. Caso haja a necessidade de trazer grupos maiores para visitas na modalidade de atendimento ou acolhimento, é necessário entrar em contato pelo telefone para verificarmos se há possibilidade, a depender do tamanho do grupo.


– Consigo fazer um agendamento de visita para a mesma semana do meu contato?

É recomendado realizar o agendamento com um prazo mínimo de 15 dias de antecedência. Isso porque o ritmo de agendamentos é intenso, e quanto antes o grupo entrar em contato, mais fácil conseguir datas disponíveis para a visita. Dificilmente haverão datas disponíveis para a mesma semana do contato inicial.
 

 

 

 

gallery